Candomblé em Portugal: O Asè e as suas cores – O asè preto


Concluímos neste post dedicado ao asè e as suas cores. Após termos visto os constituintes do asè branco e constituintes do asè vermelho, analisaremos nesta edição a cor de asè que nos resta: o preto.

Preto, é do carvão, do ferro e portanto da terra. É a matéria em forma receptiva, simboliza o principio feminino, útero da natureza, onde a vida morre, fermenta e nasce novamente.

Todas as cores escuras estão associadas ao preto, inclusive o verde e o azul.

As cinzas dos animais sacrificados e calcinados compões o Asè no elemento preto.

3. AXÉ PRETO

3.1. Axé preto animal

• Cinzas de animais

3.2. Axé preto vegetal

• Sumo de certas plantas

• Pós de cascas e madeiras pretas

• Sementes pretas

• Seivas e resinas pretas

• Carvão vegetal

3.3. Axé preto mineral

· Metais pretos (ferro, estanho etc.)

· Carvão mineral

· Pós minerais pretos

Receber asè significa adquirir os elementos simbólicos que representam os princípios vitais e essenciais de tudo que existe, ou seja, a energia contida neles. Em suma, a manipulação de asè possibilita o reequilíbrio das energias positiva e negativa. Como todos sabemos, todas as coisas são compostas de energia positiva e negativa. O acumulo de energia negativa provocará no indivíduo vários sintomas e doenças, os quais serão sanados com a aquisição de asè ou, podemos chama-lo assim, energia positiva.

~ por Candomblé em Portugal - Ilé Asé Omim Ogún em Novembro 15, 2012.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: