Candomblé em portugal: Trabalho de Antropologia, sob o tema “A religião Candomblé-Ketu em Portugal e a sua influência na prática de Enfermagem”, realizado por estudantes da Escola Superior de Enfermagem, no Ilé Asè Omin Ògún (1ºPost)


O Ilé Asè Omin Ògún teve o orgulho de receber aquando do Siré de Òsòóssí, um grupo de estudo da Escola Superior de Enfermagem, cujo intuito seria presenciar “in loco” um Siré de Candomblé – Nação Ketu, de forma a observarem os trabalhos, efectuando assim o seu trabalho para a deisciplina de Antropologia e Sociologia.

O resultado final desse trabalho de observação será públicado também aqui,no Blog Candomblé em Portugal, de forma faseada devido a ser algo extenso.

Às visitantes da Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, a nossa palavra de agradecimento pela postura exemplar durante todos os contactos, em especial no momento sagrado do siré, em que estiveram á altura, passando perfeitamente por Povo do Santo.

1º Post (Clique na imagem para aumentar)

~ por Candomblé em Portugal - Ilé Asé Omim Ogún em Fevereiro 29, 2012.

3 Respostas to “Candomblé em portugal: Trabalho de Antropologia, sob o tema “A religião Candomblé-Ketu em Portugal e a sua influência na prática de Enfermagem”, realizado por estudantes da Escola Superior de Enfermagem, no Ilé Asè Omin Ògún (1ºPost)”

  1. Por tudo isto e muito mais, é um orgulho e honra para mim poder pertencer a este Ilé (casa).
    Axé.

  2. Como uma das autoras do trabalho aqui exposto só posso dizer que estou muito orgulhosa e honrada de ter conhecido esta Ilé e as pessoas fantásticas que me acolheram… Realmente fiquei mais rica culturalmente e até o meu ego cresceu;) Este trabalho só foi possível porque esta religião é feita de pessoas excepcionais. Obrigado por tudo foi realmente um prazer conhecer-vos.

    Paula Esteves

    • É com grande satisfação, orgulho e com cada vez mais a certeza, que constato que vale a pena sermos autênticos, para além das nossas limitações. Agradeço a todos os Orìsás, de um modo especial ao meu Pai Ògún, que em tão pouco tempo tenha conseguido fazer intuir a sua pessoa da verdadeira essência desta maravilhosa religião.

      Fico ainda mais contente , por ser o terreiro que elegeu, o local onde encontrou a semente que pode fazer expandir cada vez mais aquilo em que acreditamos e que tem mais de cinco mil anos.
      Em meu nome pessoal, em nome do Bábálórísá Paulo d’Yemonjá e de todos os filhos do Ilè Asè Omin Ògún, obrigado.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: