Editorial (Revista Povo de Santo e Asé – Dezembro 2010)

Para terminar este ano que está a findar, nada melhor que um pouco de antagonismo, próprio deste ano… aqui vai: Foi com algum espanto, que a Revista «Povo de Santo e Asè», recebeu da Embiaxada de São Tomé e Príncipe em Lisboa, uma missiva dizendo que agradecia os números enviados (que enviamos sempre a todas as Embaixadas PALOP), mas que não queria receber mais! Diziam ainda, que preferiam não dizer o
porquê desta atitude.Queremos acreditar, que não é por racismo nem por falta de
liberdade aos cultos afro… mas então o que será? Nós somos uma revista dos cultos afro, e como tal, não podemos tolerar racismos…
Em contra partida, foi com agrado que soubemos que em países como Suiça, Austria e Alemanha, têm uma Mãe de Santo que veio registar-se na FENACAB – Coordenação de Portugal!
Na realidade, está provado que Deus (Olorum) e os Orixás, não são propriedade de ninguém; já sabiamos, mas ficámos ainda mais certos disto!
Nós vamos continuar, assim Deus (Olorum) nos ajude!

O Director
Babálórísá Jomar d’Ògún

~ por Candomblé em Portugal - Ilé Asé Omim Ogún em Novembro 8, 2011.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: